A Doença de Peyronie foi descrita pela primeira vez em 1743 pelo médico françês François Gigot de La Peyronie, que observou esta patologia no rei da França Luis XV.

Trata-se da formação de “placas”  de fibrose que se desenvolvem nos corpos cavernosos provocando a perda da elasticidade do pênis. Isso determina uma curvatura durante a ereção que pode impedir a introdução do pênis na vagina. Na sua fase aguda, pode também provocar um quadro de dor no pênis durante a ereção.

A doença de Peyronie acarreta intenso sofrimento do paciente, principalmente pela insegurança e transtornos na sexualidade do indivíduo. A retração peniana provoca a diminuição do tamanho do pênis e deformidades que impedem a penetração vaginal em função de alterações no eixo peniano.

CENÁRIO ATUAL

A incidência da doença de Peyronie parece estar aumentando nos últimos anos. A causa desta doença até hoje é mal compreendida pela medicina. Existem algumas teorias que defendem que a doença seria decorrente de pequenos  traumas sucessivos na atividade sexual. Não há comprovação científica para essa teoria.

Apesar disso, existem várias formas de tratamento, dependendo do estágio em que se encontra a doença.

Após aproximadamente um ano, quando termina a fase evolutiva da doença, pode haver uma curvatura que seja impeditiva para uma plena vida sexual. Neste caso, pode ser necessário o tratamento cirúrgico.

Os casos menos graves podem ser corrigidos com uma cirurgia simples. No entanto, as curvaturas complexas requerem cirurgias com uso de enxertos para cobrir a falha que fica com a incisão da placa fibrótica.

Vários são os enxertos utilizados. Por este motivo,  até hoje não há consenso em relação ao enxerto ideal.

Recentemente, eu e outros colegas estamos utilizando  um novo material como enxerto, confeccionado com a submucosa de intestino de porco. As conclusões iniciais são bastante animadoras.

Cerca de 80% dos pacientes operados com este enxerto têm se mostrado bastante satisfeitos com os resultados obtidos.

61 comentários:

Martins disse...

Prezado Dr. Roberto Campos
Gostaria de ajudar a classe médica e os doentes que estão sofrendo com a doença de Peyronie, através da minha experiencia pessoal.
Depos de ter consultado vários especialistas portugueses e franceses de renome, foi um médico que trata o "povo" que me salvou.
Fico ao dispor para partilhar a minha actual felicidade.
Um abraço

Alvaro disse...

Martins,
Gostaria de saber como vc conseguiu resolver o problema.
Alvaro

ubisan disse...

Estou sofrendo muito apesar de estar na faze inicial da doença,gostaria muito de saber o que o Sr. Martins fez para obter a cura.

joao disse...

o martins conta logo como cura ,
por favor,ta todo mundo sofrendo.
me mande um email.
joao pieroni .meu email e joaopieroni@terra.com.br
obigado

carlos disse...

Também gostaria de conhecer a solução.

Anônimo disse...

Martins, gostaria tb de saber qual o medico que salvou vc. Se importa em me enviar um email?
bp.jf@hotmail.com
Desde ja agradeço a sua atenção.

Anônimo disse...

Martins, gostaria tb de saber qual o medico que salvou vc. Se importa em me enviar um email?
sabrob@ig.com.br

Muito obrigado pelo seu interesse em ajudar.
Um abraço

Anônimo disse...

martins ,Muito bom dia .

gostaria de saber da cura
da doenca peironie.
meu email é fpcarvalhorj@yahoo.com.br.

Grato,

Francisco

Catão disse...

Martins,
Também gostaria de saber como vc conseguiu resolver o problema.
Estou sem esperança!
Catão.

Anônimo disse...

Martins, gostaria de saber como você resolveu o seu problema e qual o e-mail do médico que cuidou de vc. Meu email: prefteixeira@hotmail.com
Muito obrigado. Um grande abraço
Edson

Anônimo disse...

é eu estou com muito problema...
o meu esta torto para caramba e tenho apenas 15 anos!!!!
sou virgem e nao sei como intortou...
agora nao sei oq fazer, pois morro de vergonha de contar isso ao meus pais...

mjpa49 disse...

Por favor Martins, estou desesperado já fui em varios médicos e cada um fala uma coisa, não tenho dinheiro para pagar, tem medico que chegou a pedir R$20.000,00 e eu não tenho esse dinheiro por favor ajude-me
meu e-mail gabriel-49@ig.com.br.

Não tenho muita esperança pois já fui em mais de 8 medicos...
´
Só um milagre.

Anônimo disse...

Martins ou alguém que já sabe a resposta, passa um e-mail para mim.
Preciso da ajuda de vocês.
juelkikit@yahoo.com.br

Anônimo disse...

Martins você pode me enviar o endereço deste médico.

azurorama@gmail.com

Anônimo disse...

Martins você pode me enviar o endereço deste médico.

azurorama@gmail.com

Anônimo disse...

Dr. Roberto,
gostaria se possivel, saber como o sr. realiza esse tipo de cirurgia.
Tenho Peyronie há mais de 04 anos e do ultimo ano para cá ficou consolidada distrofia com afinamento da base.
Vários médicos que consultaei diz que a solução é a simples colocação de prótese.
A solução é essa mesma?

Juel disse...

Gostaria de saber do dr. Roberto qual o custo aproximado da cirurgia de correção de Peyronie.
juelkikit@yahoo.com.br

Anônimo disse...

Por favor. O Martins ja disse quem é o médico. Por favor, meu e@mail é osmarzani@itelefonica.com.br

Anônimo disse...

Por favor. O Martins ja disse quem é o médico. Por favor, meu e@mail é osmarzani@itelefonica.com.br

Anônimo disse...

Martins,

Tambem tenho o problema e so encontro comentarios na internet que me faz ficar cada vez mais sem esperança.

Se puder me ajudar o meu email e
Almir.gonzalez@hotmail.com

Obrigado

Ricardo disse...

Gente, ninguém responde nada. Tenho o problema há um ano, e o meu está grave, 90 graus de inclinação. Um médico de SP, hospital público, faz cirurgia, porém diminui o tamanho do pênis. Estou deprimido. Quanto ao Martins, pelo modo como escreveu, ele é de Portugal, o tal "médico do povo", portando é de lá, difícil para nós. E tem médico pedindo cirurgia a 20 mil reais???

Anônimo disse...

Talvez ele tenha se curado com o tratamento do Dr.jose Maria Alves (homepata Português)que faz o tratamento gratuitamento das pessoas através do seu blog.http://josemariaalves.blogspot.com/2009/09/peyronie-doenca-de-tratamento.html

Estou fazendo a primeira fase do tratamento a aproximadamente 50 dias.Daqui a 11 dias vou iniciar a segunda fase do tratamento.

Anônimo disse...

Olá amigo Martins voçe me podia ajudar eu tambem tenho um problema dessa doenca e não como curar esta doença,meu email e (paraveres2010@gmail.com)obrigado amigo

Anônimo disse...

Pelo amor de Deus, se existir um tratamento não-cirúrgico e alguém tiver este conhecimento, peço encarecidamente que divulgue neste blogue!
Estou sentindo dores; meu pênis está deformando; a glande tá flácida; não tenho 20 mil para fazer cirurgia; sou jovem,solteiro e tenho medo de ficar impotente! É desesperador!

Anônimo disse...

Tenho doença de Peyronie, e depois de meses de pesquisas cheguei ao tratamento abaixo. Estou experimentando o mesmo. Sendo meu próprio "cobaia". Deduzo que este tratamento não causará efeitos colaterais. Também não tenho 20 mil para fazer cirurgia com enxerto. Além do mais tenho medo de complicações pos-operatorias ( pois o pênis é extremamente vascularizado e inervado ).
Sugiro que todos vocês tentem o "meu" método. Pois a tendencia da fibrose é aumentar! Solicito que divulguem os resultados positivos atingidos objetivando ajudar mais pessoas e, quem sabe, o progresso da medicina.

1)Homeopatia:
Thuya 30 ch 5 gotas 2xdia por 2 meses
Staphysagria 200 ch 5 gotas 2x semana por 2 meses
Ir alternando: 2 meses de thuya, 2 meses de staphysagria... Não toma-las juntas. Pois a staphysagria antidota a thuya
(Procurar orientação de médico homeopata)

2)Cloreto de Magnésio diariamente

3) Vitamina E 400 mg 2xdia

4) Auto-hemoterapia (pesquisar na internet o modo correto)

5) Cuidar da lubrificação nas relações. Usar lubrificante, por exemplo via top ( o simples, AM não ), nas relações. Afim de evitar mais trauma da cápsula albugínea

6) Para quem tem dinheiro, tem também a terapia extracorpórea por ondas de choque (TEOC)

Usar estes recursos simultaneamente

E quem souber de outros recursos, pelo amor de Deus, divulgue!
Boa sorte a todos!

Anônimo disse...

Anônimo, você já consegue ver alguma melhora com o seu tratamento?
Responda pra todos.

Juel disse...

Sobre o tratamento que o anônimo está fazendo já pode ser visto alguma melhora?

Anônimo disse...

Pessoal > Pelo visto esta doença ainda não tem cura e estes medicamentos são paleativos. Pelo que tenho lido estas placas podem regredir expontaneamente. Boa sorte à todos!

Anônimo disse...

Ha cerca de 1 ano, o meu urologista fez uma serie de oito injeçoes sobre a placa, resultando numa baixa taxa de resolução, apesar da opinião inicial dele.
Vale a pena repetir?

Anônimo disse...

Tenho o problema e achei o texto bastante interessante.

Link
http://www.ondasdechoquebh.com.br/Artigos/Elis%20Forgerini-Peyronie%2005.pdf

Anônimo disse...

Martins gostaria de saber como resolveu o seu problema e se possivel nome e contato do medico.
Aguardo e agradeco a sua ajuda.
asantos29t@hotmail.com

Anônimo disse...

Com relação ao tratamento com as injeções sobre a placa você notou alguma melhora?

Anônimo disse...

Já não sei mais o que fazer. Já tentei todos os tratamentos possíveis, a única coisa que ainda me resta é procurar pela cura da doença. Na Internet só encontrei esse blog. Se alguém conseguiu alguma melhora, ajude a quem ainda não conseguiu, divulgando aqui.
Grato.

Roberto disse...

Martins,porque voce não compartilha sua experiência com todos nós ?Varias pessoas sofrem deste mal e estão a procura de uma solução,ajude-nos.
Roberto

Juel disse...

Por favor Martins, diga o nome do médico e onde consultá-lo. Você já está curado do mal que vem assolando milhares de pessoas.
Ajude-nos por favor.

Anônimo disse...

Pessoal procurem pelo Dr. Paulo Egydio é o + comentado nessa area

abraço

Anônimo disse...

pessoal no meu caso as aplicaçoes ou injeçoes no penis nau adiantaram e pessoal tem que cuidar se sua curvatura nau é d + na relação sexual pode piorar se forçar

boa sorte

Anônimo disse...

Quem curou o Martins um dia disse essas palavras: "Vinde a mim, todos os que estais cansados e oprimidos, e eu vos aliviarei.
Mateus 11:28".

Estou certo Martins?

O que a medicina não pode curar só ELE pode. Nada é impossível para ELE.

Crês somente, e verás a glória de Deus nas suas vidas.

Que DEUS vos abençoe!

Anônimo disse...

Pessoal, sou portador dessa doença ha mais de 5 anos. A cada dia que passa vejo piorar. Observo uma enorme deformidade, glande flácida, base fina e retorcida. Infelizmente não possuo grandes recursos para submeter-me a uma cirurgia restauradora com colocação de protese, com isso, cada vez mais chego a conclusão que o anônimo acima está com a razão, só Deus para nos curar.

Anônimo disse...

Tentei enviar uma pergunta para o Dr Roberto Campos mas não consegui. Por isso vou faze-la neste espaço
Cientistas brasileiros e franceses desenvolveram nervo artificial
Seria possível usar a tecnologia do nervo artificial para criar cápsula albugínea artificial??????
(Para ser usada como o melhor enxerto)
Por favor, leia o artigo na internet. Passou até nos telejornais!

Anônimo disse...

Martins, gostaria se possível me informar sobre seu tratamento e o médico que te acompanhou neste tratamento, muito grato e que JESUS CRISTO te recompense..Meu email: csvz77@hotmail.com

joão disse...

Marins, meu e-mail é jbinho@ig.com.br, me mande por favor o tel do médico.

Rickmann disse...

Pessoal eu consegui realizar a cirurgia, gráts, na UNICAMP.

Projeto Multicêntrico da Doença de Peyronie.
Centros de pesquisa:
- São Paulo (SP) - Centro de Estudo e Pesquisa em Urologia do Hospital Ipiranga
Coordenador do projeto: Sidney Glina
- Niterói (RJ) – Hospital Universitário Antonio Pedro, da Universidade Federal Fluminense
Coordenador: Carlos Jardim

-Rio de Janeiro (RJ) - Hospital dos Servidores do Estado
Coordenador: Roberto Cerqueira Campos

- Ribeirão Preto (SP) – Centro Avançado em Urologia de Ribeirão Preto
Coordenador: Marcelo Baptistussi

- Rio Claro (SP) - Hospital São Rafael e no Instituto de Urologia e Nefrologia de Rio Claro
Coordenador: Geraldo Faria

- Campinas (SP) - Universidade Estadual de Campinas – Unicamp
Coordenador: Adriano Fregonesi

- Belo Horizonte (MG) – Hospital Belvedere e "Clínica de Urologia e Andrologia Dr. Luiz Otavio Torres":
Coordenador: Luiz Otávio Torres

- Porto Alegre (RS) - Irmandade Santa Casa de Misericórdia de Porto Alegre
Coordenador: Cláudio Telöken

Levem Ecografia do pênis, todos os exames, receitas e fotos do pênis com ereção em um pen-drive. Qto mais informação melhor. E procurem nestes centros supra citados por alguém da equipe dos responsáveis, pois outros urologistas ñ vão saber lhes ajudar, sabe com é nestes lugares públicos, sempre existem informações desencontradas.

Anônimo disse...

Rickman,

E o resultado como ficou em relação a estética e funcionalidade?

Como conseguiu inscrever-se nesse programa?

Passa um relato para o grupo.

Grato.

Anônimo disse...

tenho apenas 14 anos e tenho essa doença oque eu faço?

Anônimo disse...

Essa doença apareceu em mim há cerca de 2 meses. Fiquei apavorado.
Fui ao meu urologista e ele me falou que ela é muito comum. Me receitou tomar durante 6 meses um "vaso-dilatador". Mandei manipular pois é muito mais barato. Para 6 meses de tratamento, ficou em R$ 52,00. Este médico é muito competente e confio muito nele. Entretanto só poderei saber se algum efeito positivo se manifestou daqui a 3 meses que é o prazo que ele me falou que não sentirei mais nenhuma dor. Vou buscar o remédio hoje e começarei hoje mesmo o tratamento,(01Julho2011). Contudo ainda estou inseguro. Se alguém souber de qualquer outra coisa mais eficiente e que não seja cirúrgica, peço que me informe pelo e-mail. Quanto ao nome do vaso dilatador, a receita ficou presa para a manipulação. Tão logo a tenha e se alguém se interessar procurarei por e-mail dar a informação.

Meu e-mail é navicvarella@gmail.com - Varella

Anônimo disse...

Poderia disponibilizar a receita desse "vaso dilatador"

Anônimo disse...

Boa Tarde! Dr. Comprei um frasco do medicamento Potaba com 1000 comp. mas o meu médico disse que eu não preciso tomar.
Estou com o produto fechado lacrado conforme eu comprei.
Caso haja interesse de algum paciente ou se o dr mesmo quiser o produto repasso pelo o valor que eu comprei R$ 1.500,00 ( Hum mil e quinhentos reais).
Moro na zona sul de São Paulo.
Obrigado
Alessandro

Anônimo disse...

Olá a todos! Será q alguém sabe de um tratamento eficaz para essa doença? Pois só quem tm sabe o qto é deprimente, pois ela entorta, afina, encurta, e n sei se é pelo visual q apresenta, mas algumas vezes percebi dificuldade de ereção. No começo de 2011 fiz a cirurgia com enxerto de origem animal no interior de SP, a princípio tive dormência, mas depois voltou a ser quase normal, até pude urinar em pé acertando o vaso, e cinco meses depois ele está torto outra vez, com quase 90º, curto e com cintura, acho q em razão de uma segunda placa q na época n foi extraída pelo Dr. como havia sido combinado, eu n gostaria de me submeter a outra cirurgia, ficaram as cicatrizes dos pontos, a glande ficou um pouco flácida e curvada pra cima, tenho tido relação, mas n sei até qdo pq percebo q continua entortando, espero q surja algo novo, pq os tratamentos q existem n dão resultados satisfatórios ou são caríssimos, onde operar um pênis custa o ôlho da cara. Q Deus dê luz a tdos, principalmente aos médicos q tratam desta doença!

Anônimo disse...

sofro dessa doença á cerca de 2 anos mais ou menos, já consultei médicos em Portugal e no Brasil, o que me foi dito por uns foi ditos pelos outros, tomar vitamina E eesperar para ver se a doença regride, mas não regredio e aumentou.Actualmente vou iniciar um tratamento para tentar travar a formação de novas placas,para mais tarde tentar a operação.
Vi aqui que alguem falou que conseguio reverter a doença, mas não deu mais nenhuma informação.Gostaria de pedir ao Sr Martins, se não fosse muito incomodo de me passar essa informação.Se não o deseja fazer publicamente, por favor me envie essa informação para o meu mail.
fer.doris.fil@gmail.com.
Ficar-lhe-ei eternamente agradecido.

Anônimo disse...

Também estou procurando a minha cura, caso tenham alguma informação...
Moro em Brasilia
nunberone@gmail.com
Tenho disponibilidade para viagem, alguma condição financeira, estou disposto a pagar,porém gostaria de ter segurança, conheço relatos de pessoas que operaram e tiveram que reoperar, o que me parece comprometedor...

roberclain disse...

Olá, o meu pênis é torto para cima e um pouquinho para esquerda, tenho ereções normais e não sinto dor, gostaria de saber qual a cura mais provavel. Grato
Roberson

AA disse...

Este tal de Martins só pode ser uma invenção de pessoas interessadas em buscar uma melhoria em sua auto-estima pois nunca havia lido tantas solicitações de colaboração a uma pessoa quem nem se quer se sensibiliza sobre os problemas alheios.
AA

jorge disse...

Tenho Peyronie a 9 meses e já fiz tratamento com vitamina E e agora o meu médico receitou Flancox 400mg . Uma caixa com 20 comprimidos custa R$ 18,00 - 2 comprimidos , um pela manhã e um a noite. Estou tomando a uns 2 meses e tive uma melhora acredito eu de uns 10%.
Dizem que tem um remédio do laboratório Pfizer chamado XIAFLEX, que é comercializado em outros países, que dá resultado de quase 100%. Passei um e-mail para o laboratório e eles disseram que desconhecem.
De repente já até descobriram algum método que dá resultado mais não poem em prática , enquanto o custo de uma cirurgia desta custar acima de 20 mil reais . O jeito é nós ir testando nossos métodos e experiência e ir passando um para o outro .
Um abraço e boa sorte para todos nós e que DEUS nos cure .

Anônimo disse...

Acho que apesar do nosso sofrimento, tem médicos e laboratórios farmacêuticos brincando com aqueles que tem a doença de peyronie, pq com o preço da cirurgia e medicamentos pra eles é melhor ficar como está, e alguém acima referiu ao Sr Martins como uma possível invenção, o que eu tbm acredito ser, assim como outros e-mails acima, aos quais escrevi não recebi uma resposta, caso alguém saiba de outros locais com comentários sérios sobre a doença, conste aqui e vamos pelo menos amenizar o sofrimento dos que tem este mal!

Anônimo disse...

Fiquei absolutamente confuso com as experiências relatadas.
Por que será que as pessoas 'brincam' tanto com este assunto?
Sofro há dois anos deste mal e até agora a única solução apresentada pelo HC de SP é cirúrgica.Sou diabético há 10 anos ( Melittus II) e a incidência de Peyronie é maior neste grupo. Criou-se uma tumoração na parte superior do pênis e não há jeito de fazer com que ela desapareça senão com cirurgia.
Seriamente haveria alguém ou uma indicação de médicos para evitar este trauma?

Anônimo disse...

O melhor remédio ainda é o Potaba,só que vcs devem fazer o seguinte para ter um efeito melhor!
Comprar potaba em comprimidos, e ir a uma farmácia homeopática e pedir prá eles fazerem um potaba homeopático na potência C12 utilizando 1 comprimido do potaba normal. Eu fiz isso e a minha doença melhorou bastante e estabilizou. Não tomo mais nada hoje!

Anônimo disse...

Pessoal,
Acho que a única solução é a colocação de prótese.
Assim os médicos tem me orientado. Eles falam que por ser uma doença recidiva essa seria a opção mais viável.
Ainda não tive coragem, o custo é alto, os Planos de Saúde ignoram e o pior, temos vergonha em expor o problema. Tudo fica mais difícil e a alto-estima acaba.

Anônimo disse...

Martins, queria saber quanto custa o preço da cirurgia e do tratamento?
Meu email é:
hassam.nassah@hotmail.com
Preciso da resposta.
Desde obrigado pela atenção.

Jorge disse...

Pessoal.
Tenho Peyroni e já consultei vários médicos. A informação é sempre a mesma: Tomar vitamina E e Potaba. Até agora não resolveu nada. Consultei outro médico e recebi a informação que todos os tratamentos propostos não surtem efeito pois não se conhece a causa da doença. Cuidado com as informações passadas por sites e blogs, pois pode trazer sérios problemas para vocês. Não existe fórmula milagrosa para solucionar o problema. Consulte seu urologista e siga as indicações dele. Espero ter ajudado.

Anônimo disse...

Afinal o que devemos fazer ou seguir?
Nenhum médico até agora, manifestou sua opinião nesse espaço.
O que observamos nas mensagens é a busca desesperada por alguma fórmula mágica que venha trazer alento e esperança em nossa situação.
Não existe nenhuma informação concisa para a solução do problema, é o que venho observando ao longo desses 6 anos de sofrimento e decepção com a doença.
Me desculpem o desabafo. Leio com a tenção e respeito, cada mensagem aqui postada pois só quem passa pelo problema é que pode medir o sofrimento que ele nos traz. Agradeço ao dr. Roberto por nos proporcionar esse espaço para colocarmos aqui nossas experiências com a doença.
Paz a todos e vamos continuar esperando pelo milagre.